5 sinais de que seu escritório precisa de um upgrade

Um espaço corporativo tem o poder de conquistar o cliente à primeira vista. Os ambientes têm grande influência em nossas impressões e forma de agir.

Ter um escritório encantador, que faz com que o visitante comente com outras pessoas a respeito e que faça até com que ele registre nas redes sociais é mega positivo!

Além disso, como você tem visto em outros posts aqui do blog, um escritório pode ser altamente funcional, fazendo crescer a produtividade dos seus colaboradores também.

Por isso, é tão importante entender que um espaço com mesas não é bom o suficiente, menos ainda para atrair os benefícios que citamos acima. 

Sabemos que decidir mudar não é tão fácil e que nem sempre nos damos conta de tal necessidade, já que estamos tão acostumados com o mesmo ambiente de sempre.

Alguns dos pontos desafiadores da mudança, além de saber quando mudar, é ter total ciência sobre o quê mudar. Quais são as maiores necessidades do seu escritório?

Sabendo disso, separamos cinco sinais que podem ser grandes oportunidades para dar aquele tão merecido upgrade em seu escritório. Continue lendo!

 

Ao mudar de endereço

Um escritório pode mudar de CEP por inúmeras razões: para alcançar novos mercados, estar em um local mais atraente no cartão de visitas ou até mesmo mais seguro.

Independente do motivo, é inegável que essa seja a maior das oportunidades para um novo visual para seu escritório. Ano novo, vida nova é o que dizem, certo?

Você não precisa deixar o calendário virar para fazer a transformação, mas pode abraçar a frase popular para levar sua empresa para um novo patamar.

Aproveite a oportunidade para contratar um arquiteto que possa elaborar um projeto voltado para seu negócio e para suas necessidades.

Para combinar com a nova arquitetura, nada faz mais sentido do que investir em novos móveis também, além de uma iluminação que deixe o trabalho mais fácil e nada prejudicial.

 

Ao notar o quão antigo o escritório é

Paredes beges, brancas, com manchas. Cadeiras rangendo e com estofado aparecendo, mesas que se mantém retas com a ajuda de um suporte de papel.

Se esses sinais não são gritantes o suficiente para uma mudança radical do escritório, então não sabemos o que poderia ser. 

Todo mundo quer trabalhar em um local que está olhando para o futuro e que se comporta no tempo presente. 

Um ambiente corporativo que, literalmente, parou no tempo e que arruma “jeitos” para funcionar, é um escritório que transmite a sensação de desistência.

Solucionar essa impressão pode ser muito mais simples do que o imaginado, mesmo que seu orçamento esteja apertado para isso.

Uma boa pintura com cores vivas, plantas altas e mais exuberantes, além de cadeiras ergonômicas podem ser um excelente início de trabalho.

 

Mudança de cultura ou visão empresarial

Estamos vivendo um momento em que a cultura da empresa é muito importante. Às vezes elas acontecem de forma gradual, e quase nunca acontecem do dia para a noite.

A nova cultura pode acontecer por meio da contratação de novos colaboradores, a partir da visão de um novo líder ou através da adequação a um novo mundo. 

De uma forma ou de outra, o escritório precisa ser o abrigo dessa nova cultura. Não faz sentido a empresa pregar uma coisa, mas transmitir outra.

Se a empresa quer promover a ideia de que a organização é uma única grande equipe, a  integração entre pessoas, por exemplo, deve ser a prioridade ao montar um escritório.

Nesse caso, não só espaços de convivência são necessários, como também mesas longas e estações de reunião espalhadas pelo ambiente.

Se a empresa quer deixar de atender o público C para começar a atender ao público A, será preciso transformar o ambiente antes informal em algo mais sofisticado.

 

Quando a empresa começa a crescer

Embora todo negócio queira crescer, nem todo mundo planeja o futuro de uma forma adequada em relação a isso, deixando apenas ir acontecendo.

Ao seguir nesta rotina, as empresas enfrentam um problema de acomodação de pessoas e alocação de novos equipamentos.

Essa falta de planejamento pode prejudicar a empresa sob inúmeros aspectos, seja atrasando o início de projetos, como passando a imagem de desorganização. 

Mais uma vez, existem alguns truques da arquitetura e design de escritório para maximizar o espaço do seu ambiente. Mas lembre-se: pode ser que a melhor opção seja se mudar.

Bom, ao decidir maximizar seu espaço, tenha em mente que você precisará pensar bem no fluxo de pessoas – tanto na passagem, quanto na facilidade de acesso às outras mesas.

Maximizar um espaço requer muita criatividade, criando caminhos com os próprios móveis e aproveitando cada pedacinho em branco para inserir um novo jeito de reunir pessoas.

Sofás, poltronas, mesas altas e mesas compactas são móveis que colaboram na construção de estações de reunião ou de trabalho em equipe.

Apenas atente-se para não deixar tais estações tão perto de uma mesa ou de uma ilha de trabalho, pois as conversas podem distrair quem está concentrado.

 

Espaços vazios ou mal utilizados

Sim, mesmo em uma realidade onde as salas comerciais estão cada vez menores, ainda existem escritórios que possuem espaços de sobra.

Se ao chegar no seu escritório você percebe espaços vazios, que acabam sendo utilizados para empilhar coisas, virando uma pequena bagunça, esse tópico é seu.

Espaços vazios estão pedindo para serem utilizados e os espaços que estão sendo mal utilizados estão implorando por uma função que realmente faça alguma diferença.

O upgrade nesse caso é uma oportunidade para melhorar a produtividade, assim como o humor dos seus colaboradores, ajudando  a aproveitar ao máximo o dinheiro do aluguel.

Agora, é extremamente importante pontuar que: só porque um espaço está vazio, não significa que você tenha que colocar qualquer coisa ali para servir de figurante.

Ao pensar em soluções para tais espaços, não pense de uma forma limitada, pois você poderá apenas entulhar coisas ao preencher vazios. 

Ao invés disso, procure projetar o espaço como um todo, de ponta a ponta – pensando nas necessidades dos setores ou da equipe.

Em um exemplo prático, ao invés de inserir um sofá naquele lugar, você pode pensar em aumentar as mesas dos colaboradores, tornando o ambiente mais confortável.

Da mesma maneira, você pode oferecer alguma coisa nova para seu colaborador que auxilie no seu crescimento ou potencialize suas habilidades.

Uma estante cheia de livros de diversos assuntos (dos romances aos técnicos), que podem ser emprestados para os colaboradores, é uma ideia simples e que pode ser muito legal.

 

Conclusão

Ao longo do texto, tivemos a oportunidade de ver mais uma vez como um escritório é muito mais do que mesas espalhadas com um computador em cima.

O escritório tem uma função clara: engajar os funcionários, proporcionar um bom ambiente de trabalho e, acima de tudo, transformar um conceito em um espaço físico.

Não é uma tarefa fácil, mas está longe de ser impossível ou de exigir grandes quantidades de dinheiro. Com criatividade, você consegue realizar mudanças expressivas.

Procure investir em um visual que cause impacto, traga um sentimento de pertencimento e que você tenha orgulho e animação em mostrar para outras pessoas.

Também é de suma importância investir em saúde através de móveis que colaborem diretamente para a saúde e o conforto dos seus colaboradores.

E o principal é: não protele a mudança, não tenha medo dela. Invista no seu ambiente corporativo e veja que os resultados aparecem!

 

Sobre a Mirage Móveis

A Mirage é uma loja voltada para a venda e a manutenção de escritórios corporativos no Rio de Janeiro. Atuando no mercado desde a década de 60, a Mirage Móveis é referência na área. Visite nossas lojas física e virtual e descubra um mundo de possibilidades!